GORDURA TRANS RELACIONADA AO CÂNCER DE MAMA

 

Pesquisa européia diz que mulheres com altos índices de gordura trans no sangue têm risco dobrado de desenvolver câncer de mama. Reportagem sobre o estudo foi publicada no portal G1.

 

O estudo, conduzido no instituto Mutuelle generale de l’Education nationale (E3N), da França, faz parte de um estudo maior, coordenado pela International Agency for Research on Cancer (agência internacional para pesquisas sobre câncer, em tradução literal), envolvendo 500 mil mulheres em dez países europeus.

 

Leia reportagem em inglês sobre o estudo aqui. Veja resumo do estudo original, intitulado “Association between Serum trans-Monounsaturated Fatty Acids and Breast Cancer Risk in the E3N-EPIC Study“, publicado na revista especializada “American Journal of Epidemiology”, aqui.

 

Os pesquisadores franceses coletaram amostras de sangue de mulheres, entre 1995 e 1998. A reportagem do G1 fala em 10 mil mulheres. Já o resumo original do estudo fala em 19.934 mulheres. Destas, 363 desenvolveram câncer de mama invasivo num período de sete anos, e seus níveis de gorduras trans estavam significantemente elevados.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: